Notícias

Projeto Executivo do Lages Business Park está em análise nas secretarias municipais


A intenção do grupo investidor é fazer a implantação do novo empreendimento por etapas
Projeto Executivo do Lages Business Park está em análise nas secretarias municipais Fotos: Greik Pacheco

O prefeito Antonio Ceron, o vice Juliano Polese e o secretário municipal de Desenvolvimento Econômico e Turismo, Mário Hoeller de Souza (Marião) estiveram reunidos na tarde desta segunda-feira (17) com os representantes do grupo Koch, do Lages Business Park, empreendimento comercial e industrial que estará localizado às margens da BR-282, na localidade de Índios, próximo ao posto da Polícia Rodoviária Federal (PRF). Na pauta da reunião o detalhamento do projeto executivo que está em análise nas secretarias municipais competentes.

O prefeito Antonio Ceron voltou a afirmar que a Administração tem o máximo de interesse no andamento deste projeto. “Vamos ser facilitadores neste importante processo que deverá trazer mais empregos, receitas e desenvolvimento para a nossa cidade”, disse.

De acordo com o empresário Volnei José Koch já existem alguns investidores interessados em se instalar no empreendimento. “A nossa intenção é que a área que fica à beira da BR-282 seja destinada para um uso comercial com a presença de grandes redes de lojas de departamentos, revendas e serviços. Este será um espaço onde o lageano vai visitar e usar como lazer e entretenimento”, explicou.

A partir das 18h30, desta segunda-feira, será realizada na sede da Associação Empresarial de Lages (ACIL) uma reunião de apresentação do projeto executivo para os empresários e entidades.

O projeto

O projeto do Lages Business Park já está protocolado na Prefeitura, como prevê os prazos estabelecidos pela Lei aprovada para a instalação do condomínio empresarial e multissetorial. O projeto consiste em um total de 345 lotes industriais e comerciais a serem contemplados no referido espaço, com infraestrutura completa à disposição dos empreendedores locais e dos novos investidores, como estação de tratamento de esgoto, rede de abastecimento de água, subestação de energia, coleta de lixo, entre outros. A área territorial é de aproximadamente 1.500.000 metros quadrados. A prefeitura de Lages tem direito a 30% do total dos terrenos, além de toda a participação nas decisões de instalação deste importante negócio.

Galeria